Show de Velocidade foi completo em São Francisco do Conde

Não faltou nada para quem foi curtir a sétima e oitava etapas do Campeonato Baiano de Velocidade na Terra. Capotagens, ultrapassagem, batidas e pega decidido na bandeirada fez alegria do público presente no Circuito Lelo Bala

Tudo que o público amante da Velocidade na Terra gosta aconteceu, neste Domingo (8), na capital baiana do Automobilismo, a histórica cidade do Reconcavo, São Francisco do Conde. Na hora da “onça beber água”, em que o campeonato vai chegando em seu momento decisivo, não faltou emoção e adrenalina no Circuito Leo Bala.

Os primeiros a ir para a pista, foram os pilotos da categoria Kart Cross. O líder, Romero Sampaio (763) não teve dificuldades para vencer as duas baterias e, praticamente, levar o caneco reservado ao campeão para Mata de São João. “Tive uma pequena falha na largada, mas, graças à Deus, consegui abrir uma boa vantagem e terminou sendo uma prova tranquila”, contou o vencedor depois da bandeirada.

A adrenalina da categoria ficou reservada para o piloto estreante, Diego de São Miguel França, morador de Santo Amaro, que entrou muito forte na curva e deu a primeira capotada da manhã. “Foi uma boa capotada. Acho que dobrei demais na segunda curva, tava muito em alta, perdi o controle, subiu o barranco e já foi, né. Vi o mundo, quatro vezes, de cabeça para baixo, mas ai, bola para frente, não tive nada, graças à Deus, não maxuquei nada, a gaiola é perfeita”, comentou o jovem piloto.

A outra campotagem foi do piloto Danilo  Turkao, na primeira bateria da categoria Turismo, com motor 1.6 refrigerado a água e, também, não trouxe problemas para o piloto que voltou a corrida, depois que desviraram o carro. O vencedor desta bateria foi o lider da categoria, Hamilton  Santos (714) que só conseguiu a ultrapassagem sobre Kléber Doria (25), que liderava a bateria, a pouco metros da bandeirada.

“Eu vinha atento, atrás dele, deixando enxugar a pista, para fazer a ultrapassagem nas ultimas voltas. Porque não adiantava eu atacar ele para continuar brigando”, revela o vencedor. O vencido, Kleber Doria rebate: “A correia partiu e fiz as duas últimas voltas sem correia”, explica o segundo colocado.

Na Speed, após ter assumido a ponta na etapa passada,  o outro representante de Mata de São João, Reynaldo  Lucas (369) fez uma corrida tranquila, sem ser ameaçado nas duas baterias, se aproximando do tetra da categoria. “Graças à Deus, deu tudo certo, e agora é sonhar com o tetra”, revelou o piloto.

O Campeonato Baiano de Velocidade na Terra tem o patrocínio da Petrobahia, Governo do Estado da Bahia, através da Setre e FazAtleta e da Prefeitura de São Francisco do Conde, tem supervisão da Federação de Autoobiliso da Bahia (FAB), Confederação Brasileira de Automobiliso e a realização do Clube de Automobiliso da Bahia (CAB).

 

Campeonato Baiano de Velocidade na Terra 2017

Resultado da 7ª etapa                       

Categoria Turismo:

1º) Hamilton  Santos (714) – 25 pontos

2º) Kléber Doria (25) – 20

3º) Danilo  Turkao (707) – 15

4º) José Nicolau (771) – 10

 

Categoria  Speed:

1º) Reynaldo  Lucas (369) – 26

2º) Maiquel Silva (141) – 20

3º) David Teixeira (5) – 15

Não completou:

Charles Barreto (444)

 

Categoria Kart Cross:

1º) Ramon Andrade (737) – 25

2º) Romero Sampaio (763) – 21

3º) Antoni Morais (711) – 15

4º) Denison Sena (769) – 10

5º) Rodrigo Meira (40) – NP

Pole:  Romero Sampaio (763) – 1m15s507

Melhor volta: Ramon Andrade (737) – 112s937

 

8ª Etapa:

Categoria Turismo:

1º) Hamilton  Santos (714) – 25

2º) José Nicolau (771) – 20

3º) Danilo Turkao (707) – 15

4º) Kléber Doria (25) – 10

 

Categoria  Speed:

1º) Reynaldo  Lucas (369) – 25

2º) Maiquel Silva (14) – 20

3º) Charles Barreto (444) – 15

4º) David Teixeira (5) – 10

 

Categoria Kart Cross:

1º) Romero Sampaio (763) – 25

2º) Diego França – 20

3º) Denison Sena (769) – 15

Não complataram

Ramon Andrade (737) – 8 voltas

Rodrigo Meira (40) – 3 voltas