BR Turismo – Pilotos da Academia Shell Racing estão prontos para experiência inédita em Curvelo no Brasileiro de Turismo

Recém-coroado tetracampeão brasileiro de kart, Gaetano di Mauro tenta manter liderança na categoria de acesso à Stock Car enquanto Vitor Baptista mira o pódio

O Brasileiro de Turismo chega a Minas Gerais no próximo fim de semana para a disputa da rodada dupla no circuito de Curvelo, no interior do Estado. Líder do campeonato, Gaetano di Mauro nunca correu em Curvelo, assim como seu companheiro de Academia Shell Racing Vitor Baptista, que disputa sua terceira etapa na categoria.

Gaetano vem de vencer a segunda prova da rodada de Curitiba e de conquistar seu quarto título brasileiro de kart, no último fim de semana, em Penha (SC), com domínio completo de todas as sessões e baterias. Em Curvelo, Di Mauro voltará a carregar 80kg de lastro em seu carro por comandar a tabela de pontuação.

Já Vitor Baptista busca chegar ao pódio na categoria depois de uma ótima corrida de recuperação na segunda bateria realizada em Curitiba, na qual terminou na sétima colocação após ter largado em 17º.

Inaugurado no ano passado, o circuito de Curvelo terá modificações para o Brasileiro de Turismo e a Stock Car em 2017. Enquanto em 2016, foi usada a opção de traçado completo, com 4.420 metros, agora será adotada uma alça variante, que reduzirá a extensão para 3.330 metros, por questões de segurança.

A programação prevê duas baterias, a de sábado a partir das 15h45, e a de domingo, às 9h, ambas com transmissão ao vivo do SporTV2.

O que eles disseram:

“Eu vou muito animado para Curvelo, eu venho de uma competição na qual eu estava disputando com pilotos de altíssimo nível, o Brasileiro de Kart. Eu acho que cada corrida é uma corrida, mas sempre levo aquela emoção que ficou para trás na corrida anterior, como motivação para a próxima corrida e isso faz a diferença. A expectativa para Curvelo é manter a liderança do campeonato e brigar até o final”

Gaetano di Mauro, piloto do carro #11

“O fato de eu ter conhecido várias pistas na Europa com pouco tempo de intervalo para me adaptar me dá um diferencial. O fato de eu ter experiência em outras categorias é positivo, já que a maior parte do grid também não andou lá em Curvelo. Ou seja, espero aproveitar essa experiência para atingir mais rapidamente o limite do carro. Vou ter uma vantagem quanto a isso, embora ainda esteja tomando mais contato com o carro, não o conheço 100%. Já andei no simulador e farei novos testes nessa semana, além de ver vídeos de câmera onboard”

Vitor Baptista, piloto do carro #120

Classificação do campeonato:

1º G. di Mauro – 83 pontos
2º P. Rimbano – 83
3º G. Robe – 82
4º L. Milani – 72
5º G. Frigotto – 66

Programação*:

Sexta-feira, 21 de julho
10h20 às 11h00 – 1º Treino livre
15h20 às 16h00 – 2º Treino livre

Sábado, 22 de julho
8h30 às 8h50 – Treino de aquecimento
10h40 às 10h50 – Classificação primeira corrida
15h55 – Primeira corrida

Domingo, 23 de julho
9h10 – Segunda corrida

*sujeita a alterações
Sobre a plataforma da Raízen em motorsport:

A Raízen, por meio da marca Shell, promove a maior plataforma de patrocínio em esporte a motor no Brasil, a Academia de Pilotos Shell Racing. A marca apoia nove pilotos entre as modalidades do kart, Brasileiro de Turismo, Stock Car e Porsche Império GT3 Cup. O projeto está em linha com a estratégia global da marca, que, além do mais longevo patrocínio do automobilismo mundial com a Scuderia Ferrari na F1, está presente na Nascar, Indycar, DTM, V8 Australiana e Campeonato Mundial de Endurance.

Sobre a Raízen:

A Raízen se destaca como uma das empresas de energia mais competitivas do mundo e uma das maiores em faturamento no Brasil, atuando em todas as etapas do processo: cultivo da cana, produção de açúcar, etanol e energia, comercialização, logística interna e de exportação, distribuição e varejo de combustíveis. A companhia conta com cerca de 30 mil funcionários, que trabalham todos os dias para gerar soluções sustentáveis que contribuam para o desenvolvimento do país, como a produção de bioeletricidade e etanol de segunda geração a partir dos coprodutos da cana-de-açúcar. Com 24 unidades produtoras, a Raízen produz cerca de 2,1 bilhões de litros de etanol por ano, 4,5 milhões de toneladas de açúcar e tem capacidade para gerar cerca de 940 MW de energia elétrica a partir do bagaço da cana-de-açúcar. A empresa também está presente em 66 bases de abastecimento em aeroportos, 67 terminais de distribuição de combustível e comercializa aproximadamente 25,2 bilhões de litros de combustíveis para os segmentos de transporte, indústria e varejo. Conta com uma rede formada por mais de 6.000 postos de serviço com a marca Shell, responsáveis pela comercialização de combustíveis e mais de 950 lojas de conveniência Shell Select. Além disso, a companhia mantém a Fundação Raízen, que busca estar próxima da comunidade, oferecendo qualificação profissional, educação e cidadania. Criada há mais de 14 anos, a Fundação Raízen possui seis núcleos no interior do estado de São Paulo e um em Goiás e já beneficiou mais de 13 mil alunos e mais de 4 milhões de pessoas com ações realizadas desde 2012.

Fonte: Planeta Velocidade