Stock Car marca Corrida do Milhão para 2 de julho em Curitiba e promove mudanças no calendário da temporada 2017

Pela primeira vez desde quando a Corrida do Milhão começou a ser promovida, em 2008, Curitiba vai receber a prova, a mais importante do calendário da Stock Car. A prova, que estava previamente marcada para 6 de agosto, então sem local definido, foi então agendada para 2 de julho, levando a Vicar a realocar outras etapas nas datas previstas para o calendário da temporada.

A Stock Car definiu Curitiba como a sede da Corrida do Milhão na temporada 2017. A principal e mais valiosa corrida de toda a temporada vai ter como palco o autódromo paranaense pela primeira vez depois de já ter sido sediada em Jacarepaguá, Goiânia e São Paulo. A Vicar, empresa que promove e organiza a Stock Car, marcou a disputa para 2 de julho. Assim, foi necessário uma realocação de algumas etapas do calendário, já que a Corrida do Milhão estava originalmente prevista para 6 de agosto.

A Corrida do Milhão, assim, vai ser disputada três semanas depois da rodada dupla de Cascavel, em 11 de junho. Curvelo, que já estava marcada para 23 de julho, continua com a mesma data. Uma das mudanças diz respeito a Londrina. O Autódromo Internacional Ayrton Senna receberia uma etapa da Stock Car em 9 de julho, mas a rodada dupla foi realocada para 10 de setembro.
Buenos Aires, que volta ao calendário da categoria após dez anos em 2017, segue em 1º de outubro, enquanto Tarumã vai ocupar a data que era então prevista para a etapa de Curitiba: 22 de outubro. Assim, a penúltima rodada dupla, que estava outrora marcada para o tradicional circuito de Viamão, passa a ser de Goiânia, que recebeu a etapa de abertura do campeonato. A data também mudou e foi antecipada em uma semana, de 26 para 19 de novembro.
A grande final está mantida para Interlagos, o templo do automobilismo brasileiro, e está marcada para 10 de dezembro, no evento que reúne todas as categorias da Vicar: além da Stock Car, competem o Brasileiro de Turismo, o Brasileiro de Marcas e o Mercedes-Benz Challenge.
Rodrigo Mathias, diretor geral da Vicar e chefe da Stock Car, destacou a importância de Curitiba, o segundo circuito que mais recebeu corridas na categoria, com 58 provas já realizadas lá. No ano passado, a pista foi palco da Corrida de Duplas que abriu a temporada.
“O Autódromo Internacional de Curitiba é um dos principais do país e apresenta ótimas condições para receber a Corrida do Milhão. A confirmação da principal corrida do calendário em Curitiba é uma forma de retribuir a paixão dos paranaenses pelo automobilismo, sempre temos os autódromos lotados em nossas passagens pelo Estados. A Corrida do Milhão transformará Curitiba na capital do automobilismo nacional este ano”, declarou o novo chefe da Stock Car.
Valdeno Brito foi o primeiro vencedor da milionária prova, que em Jacarepaguá, no ano de 2008, distribuiu US$ 1 milhão [cerca de R$ 3,1 milhões na cotação atual]. O evento voltou a ser realizado a partir de 2010, passando a entregar R$ 1 milhão ao grande vencedor. Ricardo Maurício, Ricardo Zonta, Rubens Barrichello e Felipe Fraga já venceram uma vez, mas o grande nome da história da Corrida do Milhão é Thiago Camilo, com três conquistas: 2011, 2012 e 2015.